O Super Feijão

22/03/2018

 

 Um bebê aos 6 meses começa sua introdução alimentar. Alguns alimentos serão rejeitados por ele, outros ele vai adorar e aos poucos os pais vão conhecendo suas preferências.

 

O feijão é um alimento que geralmente se mantém bem quando a criança é pequena. Diferente de legumes e verduras, que muitas vezes são rejeitados.

 

Aí, alguém de casa tem a brilhante ideia de "esconder" esses alimentos no feijão, já que esse alimento não é recusado de cara. Como fica tudo pretinho, a criança não descobrirá e comerá o que não gosta, sem criar problemas. Mas, o que acontece se a criança começar a recusar o feijão? Bateu o desespero não é?!

 

Primeiro, existem vários motivos que podem levar uma criança a fazer a recusa de alguns alimentos (veja sobre o assunto clicando aqui). E tentar enganar a criança, escondendo aquilo que ela já disse que não quer, não é um caminho muito bom. Essa prática, quando descoberta (e vai ser descoberta, criança é esperta) pode até levar a perda de confiança da criança no adulto.

 

Deixe seu filho conhecer os alimentos, e cabe a você dar opções para que ele possa fazer escolhas sem prejuízo para sua saúde. O feijão é um alimento muito importante, que apresenta ferro, fibras, vitaminas e proteínas. E existem várias opções de feijão, com padrão nutricional semelhante: feijão fradinho, mulatinho, branco, carioca, preto, rajado, azuki, jalo.... Será que seu filho não poderia gostar mais de um do que outro? Será que não faltou apresentar a ele algumas opções?

 

Pense nisso. E crie possibilidades para seu filho mostrar o que seria mais agradável ao seu paladar.

Please reload

Rua Santo Afonso, 44, Sala 801, Tijuca

Rio de Janeiro, RJ, CEP 20511-170

(21) 2143-4599

(21) 2254-8186

(21) 99144-5442

  • Facebook
  • Instagram
  • LinkedIn

 

luciananovaes.com © 2014  Todos os direitos reservados.