Buscar
  • Luciana Novaes

Gravidez e Stress Não Combinam

Nossa vida atual já costuma ser estressante. Cuidar de casa, conciliar o trabalho, a instabilidade do nosso momento atual, são só alguns fatores que podem aumentar esse estresse. E no meio de toda essa correria, para nós, o desejo de ser mãe pode ser angustiante: como conciliar tudo isso com a chegada de um bebê? Será que vou conseguir parar quando engravidar? Quando será o melhor momento?


Bem, se você ainda não engravidou, mas está pensando nisso, comece por criar uma certa organização em sua vida. O primeiro ponto é cuidar da sua saúde: ir ao ginecologista para fazer todos os exames necessários e ir ao nutricionista para adquirir hábitos mais saudáveis na alimentação.


A utilização de ácido fólico já começará a partir do período que você estiver liberada pelo seu médico para começar a tentar engravidar. E outras vitaminas ou suplementos podem ser prescritos pelo nutricionista, para que você tenha todo o organismo adequado para o bebê. O normal, é a mulher levar alguns meses para engravidar, que costuma ser uns 6 meses após começar as tentativas.


Isso é bom, porque dará tempo para você se acostumar com a ideia da gravidez, organizar gastos e planejar mudanças que serão necessárias na sua vida. É o momento de não ficar olhando se está em dia fértil ou não (isso pode aumentar o stress). Deixe que aconteça naturalmente, viva sua vida de forma normal, só cuidando da saúde e da alimentação com mais atenção. Todo esse caminho irá te levar a uma gestação saudável.


Como estão suas emoções?

Precisa conversar com alguém? Isso pode ser muito importante, porque haverá uma grande mudança hormonal na gestação e se seu nível de stress já estiver alto, poderão acontecer diversas alterações no seu organismo que também afetarão o bebê.

Evite situações do dia a dia que só irão piorar o problema: ficar em jejum, uso de cigarros e bebida alcoólica e o stress podem ser grandes complicadores da gestação. Alguns problemas são bem perigosos, como o bebê não receber alimento e oxigênio suficiente, não conseguir crescer e se desenvolver de forma adequada, parto prematuro, aumento da sua pressão arterial e o pior, o aborto.


Acredite, o stress é um fator que age fisicamente na gestante, causando todos esses problemas, mas isso só acontecerá se você passar por grandes períodos de stress. Portanto, uma mudança de rotina com alimentos certos podem resolver essa situação. E não existe uma fórmula para saber o que é mais estressante ou menos estressante, porque cada pessoa é única e cada uma terá uma reação diferente para uma mesma situação.


Relaxar é o melhor caminho

A ligação entre a mãe e o bebê é intensa. E alterações que o stress provocar em você, também atingirão o bebê. Inclusive seus sentimentos: tristeza, felicidade, tranquilidade, ansiedade e nervosismo.

Se você tem um trabalho estressante e resolveu engravidar, pode iniciar algumas mudanças para ajudar nesse período: descansar mais, separar um momento para exercícios de relaxamento e ter a mão nesses momentos que fugirem do controle, algo que te traga de volta a paz como uma massagem, ler um livro, ouvir uma música.


Sabe o que também pode te trazer calma na gravidez? Conversar com o bebê. Acaricie a barriga, converse com esse serzinho maravilhoso que está dentro de você, isso fará bem a vocês dois. Pense nesse momento único da sua vida, que passará muito rápido: respire fundo e pense "esse é o melhor momento da minha vida, nada poderá atrapalhar essa felicidade que eu estou sentindo". Pense em coisas que te traga felicidade. Só depois de se acalmar, retorne as suas tarefas.

Quando as situações não podem ser mudadas, nós é que temos que mudar como olharemos para elas. O mais importante agora é a sua saúde e a do seu bebê.


8 visualizações

Rua Santo Afonso, 44, Sala 801, Tijuca

Rio de Janeiro, RJ, CEP 20511-170

(21) 97677-5190

(21) 2254-8186

Me encontre nas redes sociais.

  • WhatsApp
  • Instagram
  • YouTube
  • Facebook
  • LinkedIn

luciananovaes.com © 2014  Todos os direitos reservados   .   por Nutri Learn